Brazil

  1. Lifree
  2. Como lidar com escapes urinários
  3. Depoimentos de pessoas que sofreram escapes urinários
  4. Alguém da minha família desenvolveu incontinência urinária

Alguém da minha família desenvolveu incontinência urinária

Pedimos que usuários experientes nos contassem sobre a primeira vez em que perceberam que um familiar estava sofrendo com escapes urinários, como lidaram com isso e muito mais. Continue lendo para saber os resultados de nossa pesquisa!

Obs.: Todos os dados foram coletados de uma pesquisa Unicharm realizada entre 22 de abril e 2 de junho de 2015 (112 entrevistados que tiveram escapes urinários)

As pessoas acham difícil falar sobre isso. A primeira vez que os familiares perceberam foi quando a pessoa não chegava ao banheiro a tempo, ou quando encontravam roupas íntimas sujas.

Quando foi a primeira vez que você percebeu que seu familiar estava com escapes urinários? (Múltipla escolha é possível)

As respostas mais comuns foram "quando não conseguiam chegar ao banheiro" ou "quando descobri roupas íntimas sujas".

Outros disseram que perceberam pela primeira vez quando a pessoa não colocou as roupas íntimas na máquina de lavar. Muitas outras tinham a impressão de que algo estava acontecendo no decorrer das atividades diárias da pessoa.

Não é fácil falar sobre incontinência urinária, por isso é importante que as pessoas percebam mudanças que possam indicar um problema.

A maioria das pessoas recomenda um produto especial para escapes leves

Quando você percebeu pela primeira vez que um familiar estava com escapes você recomendou um produto?

Mais de 40% dos entrevistados disseram que recomendaram um absorvente projetado para escapes leves. Parece que está ficando mais comum as pessoas tratarem escapes urinários com absorventes em vez de fraldas para adultos. Quanto menor a resistência das pessoas com escapes ao uso de produtos como esses, maior a chance delas recomendarem esses produtos para as outras pessoas

Cerca de 65% dos entrevistados compraram o produto e sugeriram que seus familiares os usassem

Como você recomendou o produto ao seu familiar?

Nossa pesquisa mostrou que 65,2% dos entrevistados compraram o produto e sugeriram que seus familiares o experimentassem. Isso indica que pode ser muito difícil, psicologicamente, para a pessoa que está sofrendo com escapes comprar os produtos para si mesma.

Outros usuários experientes disseram que chegaram a experimentar o produto escolhido para garantir que ele permaneceria seco antes de recomendá-lo aos pais. Alguns disseram que também falaram diretamente sobre o quanto seria desconfortável ter um incidente de escape e, a partir daí, eles concordaram em usar alguma coisa. O apoio das pessoas à sua volta é fundamental para que pessoas com escapes utilizem produtos que podem proporcionar mais conforto e confiança dia após dia.

Por favor, selecione um site para comprar

(direcionamento para link externo)